Lançamento da Festa

Gaby e GDO, empresas que tocam a Festa do Pinhão em parceria com Prefeitura, promoveram nesta segunda-feira, no auditório da CDL o lançamento da Festa deste ano. Vale lembrar que a concessão que autoriza a exploração da Festa, está vencendo. Uma nova licitação deve ser aberta ainda antes da Festa deste ano, que será de 14 a 23 de Junho.

PSB esvaziado

Depois da eleição de outubro de 2018, alguns partidos mudaram de nome, como foi o caso do PPS que virou Cidadania. Outros mudaram a ideologia política como foi o caso do PSB, que ficou mais socialista e migrou de vez para a esquerda. Este foi o motivo da saída do presidente estadual Paulo Bornhausen que com uma mensagem aos companheiros, anunciou sua desfiliação. Paulinho ainda não avisou para onde vai. Uma volta ao PSD ou uma ida para o DEM não estão descartadas.

Eduardo Campos, Jorge e Paulo Bornhausen. Foto DC

Prefeitos em Brasília

Um total de 160 prefeitos de Santa Catarina deverão estar em Brasília esta semana.
O prefeito de Lages Antonio Ceron, também faz a ponte aérea até a Capital Federal onde participa da 22.ª Marcha dos Prefeitos, promovida pela CNM. Aproveita a estada em Brasília para tentar desentranhar uma questão urgente e necessária: a ampliação do projeto de duplicação da BR-116 até a fronteira de Lages com Capão Alto, no local onde se erguerá a planta industrial da Berneck.

Antes de Brasília esteve no Rotary

Fiscalização das vans

O trabalho permanente de fiscalização de vans de transporte escolar é realizado pela Diretoria Municipal de Trânsito (Diretran), órgão vinculado à Secretaria de Planejamento e Obras da prefeitura de Lages. Hoje existem em Lages 53 vans legalizadas para a atividade de transporte escolar no município, sendo que a estimativa é de que em torno de outras 50 estejam irregularmente operando nesta atividade.

Segundo o diretor de Trânsito, Nilton Silveira Júnior, a fiscalização visa coibir a ação dos transportadores irregulares, valorizando desta forma aqueles que seguem rigorosamente a Lei nº: 4.290, que regulamenta o serviço de transporte escolar em Lages. “Fiscalizar é preciso, para não apenas punir quem desrespeita as normas estabelecidas, mas sobretudo para garantir mais segurança no transporte escolar”, explica o diretor de Trânsito, ressaltando, ainda: “Nosso trabalho será permanente, em todo o município, será uma fiscalização volante.”

A Lei 4.290, por exemplo, disciplina e enquadra os transportadores à questão da vida útil do veículo (no máximo 12 anos) e uma série de outras exigências relativas à documentação (condutor precisa ter habilitação na categoria D), sendo que em cada van deve atuar também um monitor. A Lei aprovada na Câmara de Vereadores e sancionada pelo prefeito Antonio Ceron no final de 2018 objetiva, basicamente, garantir mais segurança e conforto aos estudantes que se utilizam o transporte escolar.

Nada mudou

Após a audiência em Lages, na terça-feira, o Governador Carlos Moises marcou reunião emergencial na Secretaria do Estado da Saúde, na quinta-feira . O vice-prefeito Juliano Polese e alguns vereadores se deslocaram para a capital  para tratar sobre a atual situação do Hospital Tereza Ramos e da saúde em Lages.

Na conversa, os lageanos ouviram o compromisso do Governo do Estado em discutir e dar uma resposta, dentro de uma semana, sobre a possibilidade de ampliação dos leitos de retaguarda do Hospital Tereza Ramos (com a reabertura de alguns leitos do 5º andar) como forma de atender a demanda de pacientes do Pronto Atendimento Tito Bianchini. O secretário da saúde, Helton Zeferino, também garantiu que o Hospital de Curta Permanência no HTR entrará em funcionamento em dez dias.

Sobre a nova torre do Tereza Ramos, o secretário disse que o Governo ainda está avaliando o que nela vai funcionar, além da quantidade de profissionais que serão necessários. No entanto, não deu um prazo para esta questão ser definida.

Juliano Polese e vereadores