A greve dos professores.

As escolas estaduais devem abrir normalmente nos próximos dias e serão registradas as faltas dos professores que não comparecerem ao trabalho. Os diretores devem remanejar as equipes para garantir o máximo de aulas possível e os pais devem buscar informações oficiais sempre diretamente com o gestor de cada unidade. Estas foram as principais orientações comunicadas pelo secretário de Estado da Educação, Eduardo Deschamps, nesta terça-feira, 24, após a assembleia da direção do Sindicato dos Trabalhadores em Educação na Rede Pública (Sinte/SC) aprovar greve dos professores na rede estadual. Durante a greve, as negociações sobre a nova carreira do magistério estão suspensas.greve professores

Publicado em educação por admin. Marque Link Permanente.

Sobre admin

Paulo Marques é formado em Administração de Empresas pela FAE/PR e em Direito pela UNIPLAC. No jornalismo, atua desde os anos 90, com passagens pelas rádios Clube, UDESC FM e 101 FM. Na televisão, passou pelas tvs SCC, Tele Câmara, TV Univest e Nova Era TV. Escreveu para vários jornais de Lages e de Curitiba/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.