Gabinete da crise

Ação liderada pelo prefeito Ceron, que reuniu lideranças empresáriais e forças de segurança da cidade, Exército, PM, Policia Civil e Judiciário, culminou com liminar dada por Juiz em ação de uma empresa que libera o acesso dos caminhões ao polo da Idaza para abastecimento de combustível .

Prefeito convoca secretariado

Prefeito Antônio Ceron convocou reunião extraordinária do secretariado para avaliar situação de secretarias em função da paralisação dos caminhoneiros  . A atenção especial para a secretaria de educação e saúde. A frota da prefeitura para, rodando apenas o emergencial. Problemas na educação com a falta de gás e leite e na saúde com o oxigênio. Prefeito vai seguir monitorando permanentemente e outra reunião deve acontecer sábado se a greve permanecer.                                                                                                                                        Já  o presidente da Associação dos  Caminhoneiros, disse que a paralisação somente será suspensa se o Senado aprovar, ainda nesta quinta-feira, o projeto que elimina a colaboração do PIS/Cofins sobre o diesel até o fim do ano.

Big Brother

Numa parceria entre a Prefeitura e o Governo do Estado cidade de Lages receberá 50 câmeras de videomonitoramento que estão sendo instaladas em diversos pontos da cidade.

Primeiro a Polícia Militar está implantado todos os postes com caixas para instalação de energia elétrica onde serão fixadas as câmeras. A etapa seguinte neste processo será a instalação da fibra ótica e, após, a etapa final de instalação das câmeras do Projeto Bem-Te-Vi. 

O investimento do Estado na aquisição das câmeras foi de R$ 651 mil. As câmeras são giratórias em 360 graus e têm funcionamento ininterrupto 24 horas por dia. 

Resultado das multas

Prefeito Antonio Ceron e o vice Juliano Polese, entregaram agora pela manhã , as chaves de dois veículos para o comandante do 6 Batalhão da PM, em ato no largo da catedral.                                                                                                                                As duas viaturas repassadas para a PMSC foram adquiridas pelo município através do dinheiro das multas, no valor de Rs 64 mil cada uma.

Mais um escândalo

Mais uma acusação de desvios da administração anterior estourou nesta semana. Por isto os vereadores Jair Junior (PSD) e Lucas Neves (PP) estão em buscas de assinaturas de colegas vereadores, para abertura da primeira CPI desta legislatura. O objetivo é investigar supostas irregularidades envolvendo a destinação de material da decoração natalina de Lages, feito por ex-funcionários comissionados da administração anterior. O caso já foi investigado pelo GAECO. Até agora vários depoimentos foram tomados pelo Ministério Público, e até uma pessoa foi presa. Foi o dono do barracão usado para depósito do material, que não tem nada a ver com o caso, mas como tinha algumas armas de uso pessoal no sítio, pagou o pato e foi preso. 

O caso do avião .

Aos poucos vai se esclarecendo o caso que acabou na polícia, envolvendo um empresário de Lages, e membros da tripulação da Azul , no vôo que partiu de Lages/SP na segunda feira. O avião decolou e retornou ao aeroporto alguns minutos logo depois. Passageiros que estavam no avião , relatam nas redes sociais , que o empresário é que seria a vítima e não a tripulante. Como não temos o BO em mãos nem os depoimentos , o caso fica nos poucos relatos dos envolvidos. O empresário envolvido já teria contratado advogado para propor ação de danos morais contra a companhia aérea.