Contato

Entre em contato com Paulo Marques:

7 ideias sobre “Contato

  1. Olá Paulo, primeiramente gostaria de parabenizar o seu blog pela qualidade nas informações.
    Estou entrando em contato para compartilhar com você a enquete feita na rádio Guri, no programa Bote a Boca no Trombone, nesta sexta-feira, 22 de março. A pergunta era a preferência do ouvinte sobre o candidato a deputado estadual nas próximas eleições, em 2014.
    O ex-prefeito Renatinho teve a maioria das indicações com 12 votos em menos de meia hora de programa. Mas o que realmente chama a atenção é que alguns colegas comunicadores já trazem isso como uma “saudade do ex-prefeito Renato”.
    Estamos vendo que a cidade está estagnada. Muito se reclama e nada se faz para realmente tentar melhorar a vida das pessoas. As únicas coisas que realmente andam são os projetos deixados pala administração anterior como a avenida Ponte Grande, Marginais da BR 282, Aeroporto entre outras.
    O que se vê nas ruas é que o povo já está se cansando desta história de reclamar do que ficou para trás. A comunidade quer ação! No mínimo espera que as promessas de campanha comecem a sair do papel.
    Por enquanto os lageanos apenas esperam.
    Grande abraço,
    Ari Junior.

  2. Bom dia Paulo…
    Sobre a informação escolhida agencia De publicidade, festa do pinhão, sem licitação. Onde posso encontrar essa informação oficial? Grande abraço e parabéns pelo blog.

  3. FESTA DO PINHÃO:
    Na minha análise e com a experiência de 15 anos participando do evento: 03 como sócio do Café Pinhão Bar e Boate e 12 anos como Coordenador de Shows, fica a dica:
    1) Rainha e Princesas não tinham trajes;
    A partir do momento que se marca um concurso para eleição da Rainha e Princesas, é preciso se pensar nos trajes…pelo menos um que sirva para estejam vestidas iguais e poder viajar, participar de eventos… demorou demais, e vimos várias vezes as representantes cada uma com suas próprias roupas.

    2) Programação sem folders;
    Ao lançar uma programação de shows nacionais, imediatamente teria que ser feito um folder de divulgação, com data, nomes dos shows e informações básicas a respeito da festa. Em relação aos shows regionais e locais, poderia ser lançado um 2º folder mais tarde. Muitos representantes comerciais buscam a programação para levar em suas viagens a ajudar na divulgação…mas…

    3) Site sem informações;
    o site de uma festa tem que conter muitas informações, e não ficar por muito tempo desatualizado. Sem programação, mural de recados, mural de excursões (ferramenta muito usada pelos visitantes que organizam viagens), hospedagem alternativa, etc…

    4) Viagens de divulgação e lançamentos;
    Escolhidas Rainha e Princesas e tendo a programação dos shows nacionais, é de fundamental importância as viagens para divulgação. Cidades vizinhas, universidades (os universitários representam a maioria dos visitantes), Festas tradicionais em outras cidades. Torna-se uma mídia barata e que atinge um público muito grande e de diferentes regiões do estado e País. Não adianta nada se começar muito tarde.

    5) A Serra vira festa???????;
    Tudo bem que o turismo se faz com integração. Mas não se justifica não termos nenhuma imagem da cidade organizadora do evento nas peças publicitárias da festa, nem mesmo a imagem das representantes. Imagens de sabe se lá onde, perdida num folder, num outdoor, etc…entregar uma festa para pessoas que não tem compromisso com o município. Sequer conhecer a cidade por inteira, é um risco grande…

    6) Servidor sem benefícios;
    uma grande conquista da organização da festa e seus colaboradores são os acessos gratuitos em alguns dias dias da festa, ainda podendo escolher os shows de sua preferência para assistir. Um grande retrocesso é obrigar a assistir determinado show, não que esse show seja bom ou ruim, mas tirar a liberdade de escolha é triste.
    Isso serve para tentar encher o festa num determinado show, antecipando que pode ser o dia com menor público.

    7) Artista desprestigiado;
    Colocar artistas locais para tocar para as paredes…em horários que não tem ninguém na festa é desrespeitá-lo. Deixar outros tantos talentos batento na porta deste, daquele e daquele… Uma festa local serve para prestigiar artistas locais dando a eles horários nobres e com grande público, para realmente mostrarem seus talento. De nada adianta trazer Kakareco daqui ou dali que ninguém conhece em detrimento aos artistas locais. Quem são??..o que tocam?…

    8) Festa surpresa?
    Parece que uma nova estratégia de Marketing para atrair o público em grandes festas é não divulgar a programação…”Vá até a Festa e descubra a atração do dia…”
    É o que está acontecendo com o Esquenta da Festa no centro da cidade…Cadê a Programação?? Quem irá se apresentar??

  4. Marcos adilho velho6 de dezembro de 2013 15:45
    INDIGNAÇÃO!!!!
    É ASSIM QUE O SERVIDOR PÚBLICO EFETIVO (ESPECIALMENTE AQUELES DO CONCURSO DE 2007) ESTÃO SE SENTINDO…
    APÓS O EXCELENTISSIMO PREFEITO ELIZEU MATOS TER ATRAVÉS DA PROCURADORIA DO MUNICÍPIO (PROGEM) INGRESSADO COM 2 (DUAS) ADI’S (AÇÃO DIRETA DE INCONSTITUCIONALIDADE).
    A PRIMEIRA DELAS TRATA DA FORMA DE REAJUSTE DOS INDICES DA TABELA APLICADA PARA O PAGAMENTO DE TODOS OS SERVIDORES (Processo n. 2013.066416-5 Ação Direta de Inconstitucionalidade – Referente as Leis Ordinárias 3445/2008, 3527/2009, 3635/2010 e 3722/2011).

    A SEGUNDA E COM CERTEZA A QUE DEIXA O SERVIDOR TOTALMENTE INSEGURO É A QUE TRATA DO PROCESSO DE MIGRAÇÃO E OS CARGOS DE AGENTE PÚBLICO MUNICIPAL, OU SEJA, DISCUTE A GENERALIDADE E SUBJETIVIDADE DA NOMENCLATURA E CRIAÇÃO DOS CARGOS (Processo n. 2013.066417-2 Ação Direta de Inconstitucionalidade, objetivando a declaração de inconstitucionalidade do art. 2º, 7º, I, 9º, § 1º quanto à expressão “o cargo de agente público municipal”, art. 10, 11, 19, 20, 23, I, 26, 33, 34, 35, 36, 37, 45, Anexo I F, Anexo IV F, Anexo VIII F, Anexo X F e Anexo XIV F, todos da Lei Complementar n. 296/2007, e do Decreto Municipal n. 8944, de 17/12/2007, do Decreto Municipal n. 9071, de 11/04/2008 e Decreto Municipal n. 9270, de 08/10/2008.

    .
    É ISSO MESMO, SE A ADIN JULGAR INCONSTITUCIONAL O ARTIGO DA LEI MUNICIPAL QUE CRIOU OS CARGOS DE AGENTE PÚBLICO MUNICIPAL (ou seja, todos aqueles que não são de nível superior, abertos e lançados no Edital do Concurso de 2007) PREVISTOS NO ESTATUTO DO SERVIDOR, LEI 296/2007 E QUE FOI A BASE DO EDITAL DO CONCURSO DE 2007, AS PESSOAS QUE FIZERAM O CONCURSO DE 2007 E FORAM APROVADOS PODERÃO SER EXONERADOS DEPENDENDO DO EFEITO QUE O TJSC DER A DECISÃO, A QUAL ALIAS NÃO CABE RECURSO.
    DESTA FORMA, O MÍNIMO QUE OS SERVIDORES EFETIVOS DO CONCURSO DE 2007 MERECEM É UMA EXPLICAÇÃO DO SR. PREFEITO E DA PROCURADORIA GERAL DO MUNICÍPIO, EXPLICANDO O OBJETIVO DA AÇÃO E PORQUE DESEJAM A EXONERAÇÃO DOS SERVIDORES (aliás os que mais necessitam, de nível fundamental e médio, já que os de nível superior não foram incluídos na ação).
    A PREFEITURA TEM ESCONDIDO, ABAFADO ESTAS AÇÕES DO CONHECIMENTO DOS SERVIDORES E DA IMPRENSA, GOSTARIAMOS QUE ESSA NOTICIA FOSSE AMPLAMENTE DIVULGADA E QUE A ADMINISTRAÇÃO EXPLICASSE PARA OS SERVIDORES PÚBLICOS EFETIVOS (Concurso 2007) O QUE ESTA ACONTECENDO NO PAÇO MUNICIPAL….E SE ESSA É A TAL VALORIZAÇÃO DO SERVIDOR PÚBLICO QUE ELE DIVULGAVA AMPLAMENTE EM CAMPANHA????
    ELIZEU PREFEITO, SERVIDOR PÚBLICO QUER RESPEITO!!!!

  5. Bom dia Paulo!

    Dia desses, vasculhando os blogs do município, me deparei com uma informação veiculada no blog do Edson Varela, datada de 19 de fevereiro do corrente ano que traz a informação sobre a maior das licitações do paço.
    São exatos R$ 63.742.052,60 que serão objeto de cobiça mas, que no meu singelo palpite, já tem vencedor: a empresa VIAPLAN.
    É muita coisa obscura nessa atual administração!
    essa empresa VIAPLAN foi trazido do Paraná pelo “prefeito” atendendo à interesses políticos e sob um contrato emergencial. Ocorre que passados seis meses não deram andamento ao processo licitatório visando a operação e manutenção dos sistemas de água, esgoto e comercial do Município. Tal situação, acabou por gerar um novo contrato emergencial para o mesmo objeto, o que denota total ilegalidade e descomprometimento com a coisa pública, pois não há argumentos que justifiquem um novo emergencial. Como se não bastasse, o novo emergencial previa um prazo de 90 dias ou até que o processo licitatório seja concluído, sendo outra ilegalidade latente e que não parece estar sendo objeto de questionamento pela OAB, MP e TCE. Não existe contrato público com prazo indeterminado. Fazem pouco caso disso. Anota aí na sua agenda: dia 27 de março de 2014 a VIAPLAN vai ganhar uma licitação milionária! Outras questões envolvem essa situação que dão mais embasamento ao descrito nas linhas acima. Mas ficamos por aqui!

  6. Bom dia sr Paulo

    Não sei sua posição quanto ao assunto que abordo
    as me causa estranheza a noticia vinculada em outros blog sobre a utilização dos recursos da FIA pela Fundação Carlos Jofre
    No blog do pseudo intelectual e formador de opinião Edson Varela fiz um comentário sobre os R$ 16.200,00 que foram utilizados para a compra de 25 calculadoras, 20 tablets e 1 notebook e simplesmente meu comentário foi deletado.
    Acredito que com esses recursos daria para se adquirir equipamentos melhores em maior quantidade.
    No meu entendimento ha coelho nesse mato.
    Gostaria de saber sua opinião sobre o assunto
    Grato

    Luis Ricardo

  7. Da apresentação: Amigo Paulo Marques, aqui quem voz fala é Elvio da Silva, líder comunitário e também Blogueiro…
    Do Assunto: Trata-se de um Projeto de lei do vereador Marcius Machado que visa proibir a Tração Animal em Lages, com a proposta de Substituir as Carroças de cavalo por cavalos de Lata, e eu estou trabalhando muito forte para que isso não aconteça, segue abaixo minhas justificativas:
    1- Cheiro de Boicote: O Nobre Edil Avia marcado uma Audiência Pública para o dia 14/04 do ano decorrente para discutir o assunto, para tal evento ele avia convidado com muito entusiasmo pessoas ligadas a ele e entidades de proteção a animais, mas me parecia não fazer muita questão que os carroceiros participassem, e, assim que soube que eu estava convidando os carroceiros para o evento, com a alegação de fazer um levantamento da real situação, cancelou a audiência alegando que irá remarcá-la, mas sabe lá Deus quando.
    2- Os Carroceiros não vão se Adaptar com o tal Cavalo de Lata.
    Essa coisa chamada Cavalo de Latas, com pedalos, deve dificultar o transporte, pois os carroceiros percorrem por um percurso que um ser humano não vai suportar fazer pedalando com essa coisa cheia, pois não se pode comparar a força física humana com a de um cavalo, pra arrematar, muitas vezes os carroceiros são idosos!
    3 – Tentativa de Driblar a opinião pública:
    A alegação do vereador é com relação a maus tratos, vejamos:
    Não se pode usar causos de maus tratos feitos por uma minoria de carroceiros maus feitores para tirar o instrumento de transporte e trabalho de inúmeros cidadãos de bem que dependem de suas carrocinhas para se sustentar, vale lembrar que, com relação a maus tratos já existem leis federais e que a Tração Animal é Prevista inclusive pelo CONTRAN, Código Nacional de Transito.
    Uma das alegações do vereador é que, as carroças atrapalham o Transito, eu acho isso um absurdo e entendo que, um motorista ao fazer sua CNH tem que saber que transportes de tração animal são comuns e legais em nosso país!
    4- Questões Sociais:
    vamos imaginar que temos 300 Carroceiros dentro de Lages, que vivem da reciclagem, que são donos do próprio negócio, que muitas vezes tem pouca escolaridade e que produzem seu próprio sustento…
    Querem criar cooperativas pra ele trabalhar administradas pelos carroceiros, o que eu também não concordo, pois os carroceiros não querem ser Sócios de ninguém, eles só querem trabalhar como já são acostumados!
    5- Se a lei é Erga Omenes como gosta de usar essa expressão o Marcius, para todos, entendo que todos devem ser consultados, não apenas a ALPA e pessoas ligadas a ele, mas também os Carroceiros, eles precisam ser ouvidos.
    Por fim quero dizer que a democracia no meu ver é a Arte de lutar pelo bem comum da maioria das pessoas, e não é porque um grupo de protetores a animais e amigos do vereador quer que se crie que a lei tem que ser criada.
    6- Alerta:
    Estou seriamente preocupado, quero que esse debate aconteça o quanto antes, pois esse ano é ano eleitoral, e daqui a pouco o tempo passa e não se discute o assunto, e, no apagar das luzes, receio que seja aprovada!
    Publique-se!
    7 – Importante:
    Sou também protetor dos animais, mas no meu ver, Ser Humano em Primeiro Lugar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *