Firme e forte

Mesmo em tratamento contra um câncer — em maio ela foi diagnosticada com um tumor primário no pulmão —, Rita Lee segue lúcida e trabalhando, aos 73 anos. A Rainha do Rock brasileiro participou ativamente da preparação da exposição com seu acervo, que acaba de ser inaugurada no Museu de Imagem e do Som (MIS), em São Paulo. De seu sítio, no interior de São Paulo, a cantora gravou, inclusive, os textos que explicam as passagens da exposição.

“Rita está lúcida e trabalhando. Ela está em tratamento e reagindo bem”, diz o cenógrafo Chico Spinosa, amigo da cantora desde o início dos anos 80 e responsável pela cenografia da recém-inaugurada exposição: “Com esse convite para a cenografia e o restauro dos figurinos para a exposição, tenho certeza de que Rita sempre foi o melhor do pop e o melhor de mim. Revendo toda a sua obra, me coloco de quatro a essa poetisa. A quem respeito muito. Nesse encontro, aos meus 70 anos, ela me dá energia e me faz mais criativo”.                                                                                          Rita Lee lançou também uma nova música em parceria com o marido, Roberto de Carvalho. A cantora quer fazer os fãs dançarem com “Change”, com letra em francês e ritmo eletrônico, que conta com a participação do compositor e produtor Gui Boratto. Rita ainda pôde ser vista numa imagem (abaixo) postada pelo marido, a primeira desde o anúncio da doença em maio

Os melhores

Os Mutantes, banda brasileira de pop/rock, na minha modesta opinião a melhor do país, tem um livro de fotos sobre sua trajetória, recém lançado. Compilado por Leila Lisboa, o livro trás fotos da banda em diversos shows pelo país. Aborda principalmente a formação composta por Dinho, Liminha os irmãos Sérgio e Arnaldo e a cantora Rita Lee. Foi lançado pela www.belasletras.com.br

Por onde anda Coppolla ?

Milhares de pessoas que acompanhavam as redes sociais do jornalista e bloguista Caio Coppolla, estão preocupados com seu sumiço. Coppolla começou trabalhando nos programas políticos da Jovem Pan e depois migrou para a CNN/Brasil. Voz destoante da imensa maioria esquerdista de jornalistas brasileiros, Coppolla denunciava os desmandos e parcialidade da classe e membros do legislativo e do judiciário. Estava coletando assinaturas digitais para o impeachment do Ministro Alexandre de Moraes, e de uma hora para outra simplesmente sumiu das redes socias. Estranho, muito estranho.

Ícone do rock

Charlie Watts, baterista dos Rolling Stones, morre aos 80 anos, nesta terça-feira (24). A causa da morte não foi anunciada.O baterista estava doente e inclusive não iria participar da nova turnê da banda. Com Mick Jagger e Keith Richards, estava entre os membros mais antigos da formação original.