Velha política

Vereador Jair Junior (PSD), foi o protagonista ontem na eleição do novo presidente da Câmara de Vereadores de Lages. Quem venceu a eleição foi o vereador Vone (PMDB), que teve 9 votos contra os 7 de Gerson do (PSD). Vale lembrar que recentemente Jair Junior denunciou o Vereador Vone ao MP, por supostamente estar prestando serviços a PML. Mais uma denúncia de tantas que foi arquivada. Pois bem, não hora de votar, Jair Junior traiu o vereador de seu partido e votou no denunciado Vone. E a velha política posta em prática.

Contra a Havan

Três vereadores, Amarildo Farias (PT), Bruno Hartmann (PSDB),e Jair Junior (PSD), não assinaram uma Moção Legislativa , proposta pelo vereador Vone (PMDB), para homenagear o empresário Luciano Hang, dono da Havan. Vale lembrar que a empresa está abrindo em Lages sua segunda loja, gerando quase 200 novos empregos. O vereador Bruno que não estava presente na hora da assinatura , tentou justificar sua posição .

Depois do furacão

Depois do furacão ou onda, que varreu do mapa partidos e candidatos, parece que os filiados do PSDB começam a se acertar. O candidato do partido a deputado Estadual em Lages foi dos menos votados. Roberto Amaral e Dilmar Monarim, antes inimigos, com processo de expulsão, foram vistos juntos em evento cultural nesta semana. Sinal dos tempos …

Em memória

Leio emocionado a coluna do Nevio S.Fernandes no CL de hoje. Ao falar de Argeu Furtado, lageano ilustre ele escreve: ” ao lado de Vidal Ramos Junior, Otacílio Vieira da Costa, João Costa Neto, Antônio Jader Marques, ele foi um dos fundadores do Partido Social Democrático”. Tempos em que se avalizava o que se dizia e agia pelo fio do bigode. Tempos bons aqueles. O Prof. Antônio Jader Marques era meu pai, de saudosa memória.

Jader Marques, Neco Ramos, Oscar e Celso Ramos no enterro de Vidalzinho

Ou mudam as pessoas…

Terminada a apuração da eleição para presidente fui ao supermercado para algumas compras. Na hora de pagar me dirigi ao caixa especial de idosos, gestantes ou necessidades especiais. Com surpresa encontrei na fila duas jovens com a camiseta do candidato vencedor. Perguntei para uma delas: você só pode ser gestante , ao que ela me respondeu que não. Aí argumentei de que a partir do dia primeiro de janeiro o candidato delas não vai mais permitir atitudes como esta. Ou mudam as pessoas ou o país não tomará jeito….