Vereador é obrigado a se retratar

No mês de maio de 2019, usando a tribuna da Câmara de Vereadores deLages, e também suas redes sociais, o vereador Jair Jr (PSD), fez críticas a vários funcionários da Prefeitura de Lages, acusando-os de nepotismo.                              Uma destas pessoas citadas, registrou um Boletim de Ocorrência, com consequente Ação Criminal. No decorrer do processo foi proposto um acôrdo, segundo o qual o vereador teria de se retratar usando os mesmos meios que usou para fazer a acusação, sob pena da Ação prosseguir.                                      Ontem usando da tribuna na Câmara, o vereaodr fez a primeira retratação.               Vale lembrar que a tal imunidade parlamentar tem seus limites. Ultrapassou o bom senso e falou inverdades, o político pode e deverá sim ter de arcar com as consequências. Em tempo, o vereador também foi processado por um secretário municipal e perdeu o processo em Primeira Instância.

Lembrado

Ex-governador Raimundo Colombo está sendo lembrado positivamente duas vezes neste início de semana. A primeira pelo não aumento de impostos durante os sete anos que foi governador. O atual governador está promovendo uma revisão da política fiscal do Estado. A segunda lembrança vem da decisão do ex-governador de romper o contrato com a empresa que fazia a reforma da ponte Hercilio Luz, que permitiu que a ponte finalmente volte a ter movimento. Em tempo: Colombo participa de palestra na Acil nesta semana.

Mais confusão na Câmara

Mais uma confusão na Câmara, e sempre patrocinada pelos mesmos, vereadores eleitos pela situação, mas que são oposição. De concreto mesmo, muito pouco, pois matérias que seriam relevantes para a população, são deixadas de lado, priorizando-se o teatro verbal, com finalidade eleitoreira.                                                                Ontem , mais uma vez, valendo-se do expediente vergonhoso da edição de vídeos, ou priorizando-se textos extraídos de longas conversas, que só beneficiam quem patrocina tais atos, tentou-se camuflar a verdade em benefício próprio.                                                                                                                                                 O verador jean Pierre (PSD), líder do governo, expediu a seguinte nota:

Troca de partido

Gelson Merisio que foi o candidato do PSD ao governo do Estado, está deixando o partido. Assinou seu pedido de desfiliação. Deve ir para o PP que foi aliado na eleição. Futuramente deve levar junto, dois deputados estaduais , alguns prefeitos e vereadores. Outros integrantes do PSD, devem migrar para o DEM, como o prefeito de Chapecó. No PSD fica a ala ligada ao ex-governador Raimundo Colombo.

O novo do velho

Durante sua convenção estadual, o PSDB elegeu a nova Executiva Regional, que agora passa a ser presidida pelo ex-deputado federal, não reeleito, Marco Tebaldi. Marcos Vieira passa a ser presidente de honra, e o secretário continua sendo Gilmar Knaesel. O partido perde uma grande oportunidade de renovar suas lideranças. O reflexo disto é que em Lages, Pinheiro e Monarim tiveram o processo de expulsão cancelado. Já o ex- presidente da comissão provisória, Roberto Amaral, pode ir para o PRB.