Na estrada

Encontro na BR-282 na parada 111, o senador Jorginho Mell (PR). Ele me fala da parceria dos três senadores do Estado, após ele e Dário Berger (MDB), terem votado no Amin para a presidência da casa. O clima é de trabalhar em pról de SC. O senador chegou poucos minutos após o ex-governador Colombo ter deixado o ambiente. Segundo Jorginho Mello ele e Colombo ainda não falaram após a eleição e ele não teria motivos para não falar com o Colombo. Falou ainda sobre o bom relacionamento com o deputado Marcius Machado, eles se encontram toda segunda-feira, e de que Marcius teria aceitado inclusive indicação sua para servidores no gabinete.

Senador Jorginho Melo

Prefeito responde

  “Portanto, uma paciente com o mesmo nome veio a óbito e a outra não. Se as pessoas envolvidas na divulgação deste fato lamentável nos consultassem com antecedência teríamos descoberto a situação imediatamente. Uma simples conferência do nome das mães e das datas de nascimento nos documentos pessoais das duas mulheres seria o suficiente para evitar todo este transtorno”, explicou a secretária Odila Waldrich (Saúde).
Prefeito Ceron apontou: “Tenho o maior respeito pelo trabalho da Câmara de Vereadores, mas esta situação causou constrangimento entre as famílias das pacientes” Prefeito reclamou ainda dos programas de rádio do destemperado radialista Daniel, de segunda e terça-feira que segundo o prefeito fizeram sensacionalismo a respeito deste assunto sem checar a veracidade das informações.

Com desenvoltura

Neste começo de ano, e entregando verbas de emenda parlamentar, a deputada federal Carmen Zanotto, tem circulada com desenvoltura pelo paço municipal. Seu partido (PPS) ainda não definiu a posição com relação ao governo federal e Estadual. Segundo a deputada o quadro ainda está indefinido principalmente pela chegada dos novos parlamentares.