Denunciados os envolvidos.

PrintA Procuradoria Geral de Justiça (Ministério Público/Promotores), encaminhou denúncia ao Tribunal de Justiça de SC, contra os indiciados na operação do Gaeco, denominada de Águas Limpas , que apurou irregularidades na secretaria Semasa da Prefeitura de Lages. O processo ainda corre em segredo de justiça. Se o Tribunal aceitar a denúncia, neste caso vira um processo com tramitação no Tribunal de Justiça em função de envolver um prefeito, neste caso Elizeu Mattos. Mais do que apontar irregularidades na Semasa, pelo teor das transcrições que tivemos acesso, e iremos divulgá-las tão logo a denúncia seja aceita pelo Tribunal de Justiça, ficou claro a maneira como a atual administração, Prefeito e Secretários, tratavam a “coisa pública”. A situação é estarrecedora, principalmente com relação a Festa do Pinhão, e outros ajustes administrativos, envolvendo licitações principalmente. Vamos esperar. Caso a denúncia seja aceita, o processo tem sua tramitação normal respeitando-se os prazos processuais normais. Neste caso específico, não acredito que se chegue a uma conclusão, ou sentença condenatória , antes do prazo de dois anos, fim do  mandato do Elizeu Mattos, mas que a situação passa a ser, como já é hoje, de constrangimento e vergonha geral, isto não resta dúvidas.

Publicado em Política por admin. Marque Link Permanente.

Sobre admin

Paulo Marques é formado em Administração de Empresas pela FAE/PR e em Direito pela UNIPLAC. No jornalismo, atua desde os anos 90, com passagens pelas rádios Clube, UDESC FM e 101 FM. Na televisão, passou pelas tvs SCC, Tele Câmara, TV Univest e Nova Era TV. Escreveu para vários jornais de Lages e de Curitiba/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.