Detentos são transferidos

Após o motim de ontem, 82 detentos foram transferidos do Presídio Regional . O preso Adrian Lopes de Lima é o único entre os feridos que permanece internado no Hospital Tereza Ramos, mas o estado de saúde atual dele não foi informado. Há informação que teve 40% do corpo queimado no incêndio provocado depois que presidiários atearam fogo em colchões. Os transferidos foram para cadeias de Porto União, Chapecó, Caçador, Criciúma e São Cristóvão do Sul. O juiz da Vara de Execuções Penais , Geraldo Corrêa Bastos, disse que novas remoções devem acontecer a partir de segunda-feira, quando fará uma conversa com os detentos.A superlotação na unidade, com capacidade para 130 detentos, mas abrigava 267, foi a motivação do tumulto, conforme o juiz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.