Do ufanismo à realidade.

Prefeito Elizeu Mattos, que voltou a usar a mesma postura ufanista de antes de ser afastado, semana passada concedeu entrevista falando das várias obras que estão saindo na cidade como novas indústrias etc, nenhuma com recursos da prefeitura, caiu na realidade com a entrevista do secretário de habitação. O pior é que o coitado do rapaz, por falar a verdade, pode agora perder o cargo. O secretário em entrevista concedida na rádio Clube, falou que não tem material para a construção de novas casas, porque a prefeitura deve para os fornecedores (madeireiras). Falou também que madeiras só em 2016 e que até lá estarão trabalhando só com a mão-de-obra, não podendo construir ou reformar qualquer casinha nos bairros.                                Lembrei de que na administração do Renatinho foram entregues 3.500 unidades habitacionais.

1 pensou em “Do ufanismo à realidade.

  1. Se as pessoas que tem alguma suposta influência em Lages não tivessem o rei na barriga quem sabe estaríamos vivendo dias melhores e você conhece muito , citarei um exemplo atual pois o passado já foi .
    Um parente do secretário que pode ser afastado me confidenciou bem antes da prisão do elinada certas verdades que me deixaram por demais entristecido. Onde quero chegar ? Nós que sabemos os caminhos da prosperidade ficamos nessa fogueira de vaidades e nessa louca busca pelo poder sem muitas vezes consegui-lo em sua plenitude logo iremos virar pó sem ver o real progresso.
    Paulinho devemos educar nosso povo fazê-los pensar, porém existe um abismo entre escrever, acreditar e realizar. Pois acredito apesar de seu jeito “discreto” no fundo deves torcer para Lages ir para frente mesmo na adversidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.