Mídia critica mudança.

Em 2013, a presidente Dilma sancionou a lei que ampliou os efeitos da delação premiada (que preferiu apelidar de contribuição premiada), concedendo ao delator maiores benefícios, como por exemplo, o perdão judicial e a extinção da punibilidade.  dilma 13Agora que é “vítima” de um deles, diz que não respeita delator.

Publicado em Política por admin. Marque Link Permanente.

Sobre admin

Paulo Marques é formado em Administração de Empresas pela FAE/PR e em Direito pela UNIPLAC. No jornalismo, atua desde os anos 90, com passagens pelas rádios Clube, UDESC FM e 101 FM. Na televisão, passou pelas tvs SCC, Tele Câmara, TV Univest e Nova Era TV. Escreveu para vários jornais de Lages e de Curitiba/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.