Posto de Saúde do Araucária está devagar por falta de pagamento.

Saúde sem investimento

Saúde sem investimento

Para uma administração que iria resolver todos os problemas da saúde de Lages em trinta dias, o andamento das obras da Unidade Básica de Saúde do bairro Araucária (Sta.Catarina), não correspondem a esta realidade.  A morosidade nas obras se dá principalmente pela falta de repasse nos meses de janeiro/fevereiro de 2013. Em dezembro a Prefeitura depositou na conta da empreiteira a quantia de RS.44.791,00 porém, a fatura emitida pela construtora em dezembro  até agora não foi paga. E, contrariando a afirmação do vereador líder  do governo na Câmara a dívida é da atual administração e não da passada. Aliás esta estória deve acabar, pois as dívidas são da Prefeitura e não das administrações.Chega de chorar o leite derramado, vamos trabalhar. Enquanto falta dinheiro para a área da saúde, para a publicidade sobra.

Publicado em saúde por admin. Marque Link Permanente.

Sobre admin

Paulo Marques é formado em Administração de Empresas pela FAE/PR e em Direito pela UNIPLAC. No jornalismo, atua desde os anos 90, com passagens pelas rádios Clube, UDESC FM e 101 FM. Na televisão, passou pelas tvs SCC, Tele Câmara, TV Univest e Nova Era TV. Escreveu para vários jornais de Lages e de Curitiba/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.