Prefeito responde

  “Portanto, uma paciente com o mesmo nome veio a óbito e a outra não. Se as pessoas envolvidas na divulgação deste fato lamentável nos consultassem com antecedência teríamos descoberto a situação imediatamente. Uma simples conferência do nome das mães e das datas de nascimento nos documentos pessoais das duas mulheres seria o suficiente para evitar todo este transtorno”, explicou a secretária Odila Waldrich (Saúde).
Prefeito Ceron apontou: “Tenho o maior respeito pelo trabalho da Câmara de Vereadores, mas esta situação causou constrangimento entre as famílias das pacientes” Prefeito reclamou ainda dos programas de rádio do destemperado radialista Daniel, de segunda e terça-feira que segundo o prefeito fizeram sensacionalismo a respeito deste assunto sem checar a veracidade das informações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.