Secretários pedem exoneração.

As eleições municipais desfalcaram o primeiro e o segundo escalão do governo Raimundo Colombo (PSD). Foram 21 exonerações registradas no Diário Oficial do Estado do dia 1º de junho, último dia para que os pré-candidatos deixassem os cargos para continuarem aptos a concorrer aos cargos de prefeito e vice em outubro. A maior parte, 15, está concentrada nas Agências de Desenvolvimento Regional (ADRs).                                     Em Lages João Alberto Duarte deixou o cargo e reassume na Câmara de Vereadores. Como afirma que não é candidato à reeleição, deve ser candidato ou a prefeito ou a vice.

João Alberto pediu exoneração.

João Alberto pediu exoneração.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.