Tecnologia para SC.

A Rede Catarinense de Inovação (Recepeti) firmou na manhã desta segunda-feira, 26, a primeira parceria internacional para a transferência de tecnologias aos 13 Centros de Inovação de Santa Catarina, projeto da Secretaria do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS).Os Centros fazem parte do Programa Catarinense de Inovação (PCI), um projeto da SDS em parceria com universidades, entidades empresariais e governos locais. As 13 sedes estão sendo construídas em várias cidades e inclusive Lages.   A XPCAT irá construir com a Recepeti um plano de trabalho para os Centros de Inovação catarinenses. O processo de formação foi iniciado no Workshop, ministrado por Piqué, que encerra nesta terça-feira, 27. “A inovação só se produz quando há uma execução e a cidade é a plataforma de inovação. O mercado local é determinante no desenvolvimento de inovação. Os Centros de Inovação têm que ser capazes de conectar a ciência, tecnologia e empresas”, afirmou.                                                                                                                         A expectativa é de que a sede de Lages fique pronta no segundo semestre de 2015, já que a partir do dia 2 Lages passa a ter o novo presidente da Ciasc, Roberto Amaral.

Publicado em Economia por admin. Marque Link Permanente.

Sobre admin

Paulo Marques é formado em Administração de Empresas pela FAE/PR e em Direito pela UNIPLAC. No jornalismo, atua desde os anos 90, com passagens pelas rádios Clube, UDESC FM e 101 FM. Na televisão, passou pelas tvs SCC, Tele Câmara, TV Univest e Nova Era TV. Escreveu para vários jornais de Lages e de Curitiba/PR.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.