Bauer cai na malha fina

O senador catarinense Paulo Bauer (PSDB) será investigado pela PGR  sobre o suposto recebimento de RS 11,5 milhões não declarados para a campanha  eleitoral de 2014, quando concorreu ao governo do estado. A abertura foi autorizada pelo Ministro Edson Fachin. O senador disse não ter conhecimento da decisão, que não há irregularidade em suas contas e que se manifestará oportunamente.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.