Defensoria Dativa e Defensoria Pública.

OAB/SC e Governo do Estado chegaram a um acordo sobre a volta da Defensoria Dativa (advogados), auxiliando o trabalho da Defensoria Pública no Estado. Pelo acerto o Estado faria o pagamento do passivo, quitando RS 50 milhões, que representa 50% da dívida, até o final do ano. O restante seria pago em parcelas durante o ano de 2014. Como a defensoria Pública ainda não conta com uma infraestrutura suficiente para atender a demanda, os advogados dativos voltam a funcionar. Se isto acontecer, a situação no atendimento aos mais necessitados em busca de uma justiça bancada pelo Estado, volta a funcionar. Em tempo: na carta de Joaçaba a OAB pede também a que o processo de informatização seja interrompido enquanto as pendências não forem resolvidas.

 

Publicado em Direito por admin. Marque Link Permanente.

Sobre admin

Paulo Marques é formado em Administração de Empresas pela FAE/PR e em Direito pela UNIPLAC. No jornalismo, atua desde os anos 90, com passagens pelas rádios Clube, UDESC FM e 101 FM. Na televisão, passou pelas tvs SCC, Tele Câmara, TV Univest e Nova Era TV. Escreveu para vários jornais de Lages e de Curitiba/PR.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.