Festa do Pinhão e alguns contratos.

Segue a polêmica com relação aos shows que seriam em parceria com as emissoras de TV na Festa do Pinhão deste ano. Com o SCC a parceria vai ser no primeiro domingo de festa com Patati Patatá e Carrossel, com quase trinta e cinco pessoas, está tudo acertado. Com a RBS a parceria seria em torno da vinda da Ana Maria Braga que acabou não acontecendo,e com a Band a parceria com a vinda do cantor de funk o Naldo. A Band ao procurar o empresário do Naldo, teria sido informada de que o representante para o sul do país do cantor seria a empresa GDO Produções. Foi enviado o contrato pela Band para o responsável pelos shows da festa a empresa Mussini Produções, que não retornou o contrato alegando que faltava a assinatura do sr. Nilo Braga (sic). Como o contrato não retornou a Band desistiu da parceria. Já estava tudo certo para a vinda do Naldo, tendo inclusive a GDO reservado o hotel para o cantor em Lages. Com a desistência da Band, e interferência do Sr. Prefeito a CCO está tentando negociar diretamente com o empresário do Naldo no Rio de Janeiro. Cachê inicial pedido teria sido de RS 250 mil, a CCO teria oferecido RS 150 mil e parece que o acerto sai por RS 200 mil. Na parceria com as empresas elas bancariam as atrações e ficariam com a grana do dia. Com relação ao Moha festival deve ser mesmo dentro do parque com uma estrutura montada embaixo dos camarotes, que neste ano muda de lugar. Já o tradicional Entrevero do Moha, acontece mesmo na mansão. Em tempo: no último sábado no show do Thiaguinho, o cachê seria de Rs 200 mil  mais 70 % da bilheteria, é o mole ou quer mais….

Mussini produções coordena os shows

Mussini produções coordena os shows

Publicado em Festa do Pinhão por admin. Marque Link Permanente.

Sobre admin

Paulo Marques é formado em Administração de Empresas pela FAE/PR e em Direito pela UNIPLAC. No jornalismo, atua desde os anos 90, com passagens pelas rádios Clube, UDESC FM e 101 FM. Na televisão, passou pelas tvs SCC, Tele Câmara, TV Univest e Nova Era TV. Escreveu para vários jornais de Lages e de Curitiba/PR.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.