O “jus sperniandis “.

nilton freitasO vereador Nilton Freitas (PTB), ainda presidente da Câmara de Vereadores de Lages, por força de mandado judicial, vai ter de realizar sessão extraordinária para votar as contas da Prefeitura de Lages relativas ao ano de 2012. Como desrespeitou o regimento interno da casa e não analisou as contas em tempo hábil , convocou agora uma sessão para o dia 30, às 9:00.                                                                                                         Como ainda não se deu por satisfeito, tem usado do expediente do “jus sperniandis “, e tentado juridicamente barrar esta nova sessão. Agora o Tribunal de Justiça de SC, negou o seguimento ao Agravo de Instrumento proposto pelo Nilton Freitas. Pelo andamento do feito, vai ter mesmo de realizar e apreciar as contas de 2012. 

Publicado em Política por admin. Marque Link Permanente.

Sobre admin

Paulo Marques é formado em Administração de Empresas pela FAE/PR e em Direito pela UNIPLAC. No jornalismo, atua desde os anos 90, com passagens pelas rádios Clube, UDESC FM e 101 FM. Na televisão, passou pelas tvs SCC, Tele Câmara, TV Univest e Nova Era TV. Escreveu para vários jornais de Lages e de Curitiba/PR.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.