Posso me aposentar ?

A Especialista em Preparação para a Aposentadoria e Orientação Profissional, Dra. Vera Regina Roesler  realizará o lançamento de seu livro “Posso me Aposentar ‘de Verdade’. E agora? “ no dia 25 de agosto, às 19h no Centro de Ciências Jurídicas da Universidade do Planalto Catarinense.

A obra é o resultado do trabalho e pesquisa da autora, que coloca em suas páginas uma análise das contradições e ambiguidades vividas no processo de aposentadoria e do significado da saída do espaço laboral com base no sentido do trabalho para cada pessoa.

“Por que para algumas pessoas a aposentadoria é vivida como um prêmio ou liberação de compromissos ditados pelo trabalho e, para outras, como uma espécie de morte social?”, é o questionamento motriz que gera o estudo da Profa. Vera, com reflexões que podem ser aplicadas a todas as categorias profissionais.

Na oportunidade do lançamento do livro a autora ministrará uma palestra sobre o tema da obra, momento que integra a programação de comemoração e divulgação da profissão do Psicólogo, que acontecerá de 25 a 28 de agosto.

A professora Vera Regina Roesler , além de Especialista em Preparação para Aposentadoria, Orientação Profissional e docente do Programa de Mestrado em Educação e do curso de Psicologia da UNIPLAC, é aposentada da Caixa Econômica Federal, Doutora em Psicologia, Mestre em Educação e em Ciências Humanas e Sociais.

O evento de lançamento é gratuito, aberto a toda a comunidade acadêmica e comunidade em geral, e contará com um momento de autógrafos após a palestra de lançamento.

Publicado em Direito por admin. Marque Link Permanente.

Sobre admin

Paulo Marques é formado em Administração de Empresas pela FAE/PR e em Direito pela UNIPLAC. No jornalismo, atua desde os anos 90, com passagens pelas rádios Clube, UDESC FM e 101 FM. Na televisão, passou pelas tvs SCC, Tele Câmara, TV Univest e Nova Era TV. Escreveu para vários jornais de Lages e de Curitiba/PR.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.