Saúde: o exemplo de ….

Pronto mas fechado, no centro.

Pronto mas fechado, no centro.

Li no DC, gostei e repasso : Como acontece nos maiores municípios do Estado, a saúde foi apontada durante a campanha de 2012 como o principal problema da população. Candidato, prometeu ampliar o expediente dos sete ambulatórios gerais das 21 para as 24 horas. Anunciou que até dezembro de 2013, se eleito fosse, garantiria atendimento da população até a meia noite em um dos sete ambulatórios.                                                       Antes de completar cinco meses, a nova administração ampliou o plantão até as 24 horas em dois ambulatórios gerais, que funcionavam até as 21 horas . Estes ambulatórios funcionam como as Upas. Ali, os pacientes fazem a consulta, têm o diagnóstico e recebem os remédios prescritos pelos médicos. Muitos já saem medicados. Os resultados constituem uma nova prova sobre o valor da medicina preventiva. Os dois ambulatórios funcionam há apenas dois meses até a meia noite. Em maio último, foram registrados 1.113 atendimentos. Só entre 21 e 24 horas. O mais relevante: 30% só crianças. Foram, assim, 1.113 pacientes que aliviaram as filas formadas nos demais hospitais, justamente no período noturno. Segundo o Diretor geral da Secretaria da Saúde, a Prefeitura já tem um sistema informatizado nos ambulatórios gerais e na farmácia pública.                                                                                                                                     Quer saber o nome da cidade ? É em Blumenau.                                                                              Enquanto isto em Lages o Raio -X do Pronto Socorro que iria funcionar em trinta dias, ainda não funciona. Faltam médicos nos Postos de Saúde  (UBS) e vários Postos de Saúde (UBS), prontos ainda não abriram. Até quando  esperar?

 

 

Publicado em saúde por admin. Marque Link Permanente.

Sobre admin

Paulo Marques é formado em Administração de Empresas pela FAE/PR e em Direito pela UNIPLAC. No jornalismo, atua desde os anos 90, com passagens pelas rádios Clube, UDESC FM e 101 FM. Na televisão, passou pelas tvs SCC, Tele Câmara, TV Univest e Nova Era TV. Escreveu para vários jornais de Lages e de Curitiba/PR.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.